quarta-feira, 22 de maio de 2013

Saudades

Ultimamente, não sei porquê, penso em ti com mais frequência. Não durmo bem, o meu sono é agitado e assim que acordo lembro-me de ti. Hoje, particularmente, sinto uma enorme saudade e dei-me conta de que já partiste à 4 anos. Fechei os olhos e visualizei o teu rosto e a minha saudade foi ainda maior. Precisava muito de falar contigo, precisava muito de saber que se quisesse te podia ver. Não é que não possa … mas tenho que fechar os olhos e trazer para junto de mim as lembranças de outrora. Curiosamente, não me vêm à cabeça as coisas menos boas, apenas me lembro dos bons momentos e de como eras uma pessoa divertida. Durante muito tempo não te entendi, não percebi que eras diferente do resto do mundo … mas que por isso mesmo não te consigo esquecer. Gostava de te ter dito o quanto te amava, no fundo sempre te amei, mas perdi muito tempo a ter raiva de ti. Hoje tenho saudades e sei que onde estás olhas por mim e pelos que amo. E sei também que um dia, vou poder abraçar-te e dizer-te o quanto me fizeste falta. Até sempre PAI!


quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Felicidade


Confundimos muitas vezes felicidade com paz de espírito, com sentirmo-nos em paz com alguém, com a nossa vida. É assim que me tenho sentido ultimamente, sinto que apesar de não estar a atravessar um dos melhores momentos da minha vida me sinto com alguma paz interior, alguma paz que me faz ser mais tolerante com quem me rodeia. Sinto que apesar de tudo devo agradecer por tudo o que tenho, pois há quem tenha tão pouco e nem por isso se lamenta ou deixa de ver o lado positivo da vida. É assim que quero continuar … a acreditar que vale a pena estar Viva e a ver sempre o lado positivo da VIDA!

Boas energias:-)

quarta-feira, 20 de abril de 2011


Sem rumo …

O Sol brilhou durante algum tempo mas a chuva voltou. Pensei que ele tinha vindo para se manter por mais algum tempo na minha vida mas de um dia para o outro voltei a perceber que as nuvens voltaram a pairar e que tal como na natureza as coisas mudam rapidamente e também na minha vida a tempestade voltou. Durante alguns meses achei que tinha conseguido sair do fundo do poço, mas hoje percebi que talvez isso nunca venha a acontecer. Como ouvi alguém dizer á dias …. A felicidade não existe, o que existe são momentos em que nos sentimos em paz e nesses momentos temos uma doce ilusão de que somos felizes. Sinto-me uma espectadora neste espectáculo que é a Vida, sem nenhuma intervenção no rumo da história. Sinto que o pano do meu espectáculo só ainda não caiu porque tenho um papel fundamental a desempenhar na vida de 2 seres maravilhosos que pude trazer a este Mundo. Não há nada que mais ame, e sem dúvida que são eles que me trazem os melhores momentos de serenidade … os tais que me fazem ter a ilusão de felicidade. E nos dias em que me apercebo que ela é apenas uma ilusão e que o fundo do poço está visível agarro-me à missão que me faz continuar a assistir a este espectáculo!

quarta-feira, 14 de julho de 2010


"Ser mãe é o maior de todos os milagres da natureza e o maior mistério que existe. Porque é como ter uma parte de nós para sempre fora do nosso corpo, a andar por aí, a dar os primeiros passos e depois correr e esfolar os joelhos."

Luísa Castel-Branco em Alma e os Mistérios da Vida

sábado, 28 de novembro de 2009


Hoje tenho tantas saudades ... Lembro-me dos meus tempos de menina e tenho tantas saudades ... tenho saudades de quem partiu para tão longe, saudades que doem tanto. Está a chegar mais um Natal, é uma altura do ano que adoro, gosto do frio, dos cheiros, das ruas enfeitadas, da azáfama que é em nossas casas, do cheiro das rabanadas ... sobretudo das da minha mãe que adoro ... adoro embrulhar os presentes, enfeitar a árvore e fazer o presépio ... tudo acompanhada das minhas magnificas crianças. Adoro a mesa rodeada de gente e a tradição do bacalhau com couves ... adoro tudo isto. Mas por outro lado, a cada ano que passa fico mais triste nesta época. Este ano faltam 2 pessoas ... duas pessoas que foram tão importantes na minha vida. E hoje particularmente sinto tantas saudades de todas as pessoas que ao longo da minha vida fizeram parte do meu Natal e que por uma ou outra razão já não o fazem. No fundo não fazem fisicamente porque no meu coração estaremos todos juntos também neste Natal que se aproxima.
Beijinhos e sejam muito felizes:)

terça-feira, 2 de junho de 2009


Hoje não estou nos meus dias. O dia acordou cinzento e eu acordei cinzenta como ele. O Sol já brilha apesar de timidamente, mas sobre mim continua a pairar aquela nuvenzinha que me atormenta. No entanto, é nestes dias que por vezes nos deparamos com mensagens ou pequenos excertos de textos que nos fazem pensar. E foi este o caso. Recebi um texto que gostaria de partilhar com quem o quiser ler:

"A felicidade exige valentia.
Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes mas,
não esqueço de que minha vida é a maior empresa do mundo, e posso
evitar que ela vá à falência.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver apesar de todos os
desafios, incompreensões e períodos de crise. Ser feliz é deixar de
ser vítima dos problemas e se tornar um autor da própria história.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oásis
no recôndito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manhã pelo milagre da vida. Ser feliz é não
ter medo dos próprios sentimentos. É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um 'não'. É ter segurança para receber uma
crítica, mesmo que injusta.
Pedras no caminho?
Guardo todas, "um dia vou construir um castelo...".....

Fernando Pessoa"

Sejam felizes:)

Bjos

sexta-feira, 24 de abril de 2009


O meu pequeno e tímido blog foi premiado! Fiquei tão feliz! Obrigado por este incentivo para que eu continue a colocar neste espaço as palavras que por vezes não consigo dizer. Este espaço é uma grande terapia não só pelo que escrevo mas muito pelas palavras que leio noutros companheiros(as) blogueiros.

O que devo fazer com este prémio...

1. Exibir a imagem do prémio. Postar o link do blog que o premiou
3. Indicar 10 blogs para fazerem parte do "Manifesto Jovens que Pensam"
4. Avisar os indicados
5. Publicar as regras

Aqui ficam os meus escolhidos, por ordem alheatória:
  • Entre a noite e o dia
  • Bom dia alegria
  • O amor é um lugar estranho
  • Orfeu Enamorado

Não são 10, mas aqui ficam os escolhidos ....

Beijinhos e bom fim-de-semana:)